Ex-presidente da Junta de Riba de Mouro tinha 215 contas!

riba de mouroA Polícia Judiciária (PJ) apreendeu cinco imóveis e os montantes depositados em 215 contas bancárias, distribuídas por seis instituições, pertencentes ao ex-presidente da Junta de Freguesia de Riba de Mouro, Monção, totalizando 600 mil euros.A operação “Limpeza de Vantagens” foi levada a cabo pelo Gabinete de Recuperação de Ativos-Norte da PJ, no âmbito de uma investigação titulada pelo Ministério Público de Monção e desenvolvida pelo Departamento de Investigação Criminal de Braga, referente a crimes de peculato praticados por Vasques Branco, ex-autarca, advogado de profissão, que exerceu o cargo entre 2007 e 2013.