“SC Courense tem de jogar para a paixão dos seus adeptos”

0
862

O Courense teve uma preparação para a nova temporada atribulada e recorreu ao treinador João Figueira, que já tinha passado pelo clube, para construir um plantel competitivo. O técnico ficou agradado com as condições que encontrou no clube e fez um balanço positivo do desempenho da sua equipa até agora. 

João Figueira entrou no clube quando faltavam apenas duas semanas para o início do campeonato. “O convite para treinar o Courense surgiu numa fase em que o clube estava numa situação delicada para formar plantel. No entanto, aceitei o desafio porque gosto do Courense e porque, na primeira conversa com o presidente e o director desportivo, percebi que são pessoas de bem e que estão no clube para o fazer crescer”, justificou.

O técnico recordou a última época em que orientou o Courense, há sete anos. “Foi muito parecida com a que estamos a ter este ano, mas na altura com um plantel reduzido fizemos uma boa época e a oito jornadas do fim já tínhamos o objetivo da manutenção alcançado”, lembrou, identificando as principais diferenças que encontrou no clube neste regresso a Paredes de Coura. “Temos melhores condições de trabalho, o relvado e balneários estão melhores e nota-se que todos têm um papel activo nas suas funções”, constata.

LEITA TUDO NA EDIÇÃO DESTA SEMANA DO “ALTOMINHO”