Nem os traquinas faltaram aos 20 anos do Encontro Luso-galaico de BTT em Esposende

0
398

A emoção do BTT voltou à rua em Esposende com o Encontro Luso-galaico de BTT, uma iniciativa que este ano completou 290 anos e mobilizou 1200 participantes de várias gerações.  Catorze anos depois, o Encontro Luso-galaico voltou a incluiu no trajecto a ponte sobre o rio Cávado, para gáudio dos participantes. Unindo Fonte Boa a Gemeses, a travessia amovível voltou a atrair a curiosidade e a presença de um mar de gente. A Meia Maratona foi ganha, no escalão masculino, por Tiago Boucinha (01:32:20), em segundo lugar posicionou-se Sérgio Morais (01:32:55) e, em terceiro lugar, Filipe Carias (01:32:56). No escalão feminino, Marlene Seara conquistou o primeiro lugar (01:50:29), tendo sido acompanhada no pódio por Beatriz Faria (01:51:59) e Carla Vieira (01:59:34). Quanto à Maratona, Filipe Ramos sagrou-se vencedor (02:49:03), em segundo lugar ficou Carlos Paredes (02:58:18) e, em terceiro, Carlos Rocha (02:59:39). No setor feminino, a prova foi ganha por Fátima Cardoso (03:51:37), em segundo lugar classificou-se Joana Barros (04:08:05) e, em terceiro, Carla Dias (04:28:32). A par das provas competitivas, o Encontro Luso-galaico de BTT, incluiu, também, o Passeio Traquina e Júnior, com aproximadamente 200 participantes.