“É preferível que os infantis do Monção cresçam também com as derrotas”

0
965

A equipa de infantis do Desportivo de Monção entra em todos os jogos com “vontade de ganhar” e concluiu a primeira fase do campeonato “invicta”. Apesar dos bons resultados, o treinador quer que os pequenos evoluam, sobretudo, como pessoas e que possam crescer sem que os pais lhes coloquem a pressão de se tornarem craques do futebol. “Neste escalão, contabilizamos os resultados só para nós, não são divulgados. Nem cobramos isso aos miúdos. É um processo de formação e eles têm é de se divertir”, começou por explicar Gonçalo Cerqueira, técnico de 23 anos, que esteve ligado à arbitragem antes de se aventurar como treinador. Agora está a cumprir a segunda época à frente dos sub-13 do Monção. “Claro que entramos sempre para ganhar, é normal, mas queremos, essencialmente, formar jogadores, formar homens, e formar mulheres para o futuro. Isso é que nos interessa”, sustentou Gonçalo, que treina 12 meninos e duas meninas. 

LEIA TUDO NA EDIÇÃO DESTA SEMANA DO “ALTO MINHO”