O porto de Viana do Castelo movimentou, no primeiro semestre de 2020, um total de 192 mil toneladas de mercadorias, tendo as exportações registado um crescimento de 6,7% face ao mesmo período do ano anterior.

O porto, para quem este segmento representou cerca de 76% do movimento, assinala ainda que os granéis líquidos cresceram 4,5%, em comparação com o ano anterior, o que significa que foram movimentadas mais 1.100 toneladas deste tipo de mercadorias, durante os primeiros seis meses do ano.

Contudo, e à semelhança do registado nos restantes portos portugueses, a atividade portuária em Viana do Castelo foi afetada pela pandemia de covid-19, tendo-se traduzido num decréscimo de 9,7% na movimentação de mercadorias, em comparação com o período homólogo do ano de 2019.

Os resultados registados na carga geral fracionada que caíram -13,9% e nos granéis sólidos, que registaram uma quebra na ordem do 8,9%, são os principais responsáveis pela quebra nos resultados deste porto.