Crime macabro com três espanhóis em Gondufe

A pacata freguesia de Gondufe, em Ponte de Lima, foi o palco de um crime macabro esta quarta-feira que envolveu três pessoas de nacionalidade espanhola. Um homem com cerca de 50 anos foi encontrado morto com os genitais amputados, uma mulher de 40 anos ficou ferida e foi encontrada amarrada com fios elétricos e um outro homem, alegado autor do crime, fugiu e terá cometido suicídio ao saltar de uma ponte em Vigo, cidade de onde são originários os três.

Com contornos passionais, este crime está a ser investigado pela Polícia Judiciária. Ao que tudo indica, a vítima mortal estava a passar férias com a mulher em Gondufe e o ex-marido dela terá sido o autor do crime. Antes de se colocar em fuga para Espanha, o suspeito terá atirado o carro do casal por uma ribanceira, facto que terá despertado a atenção dos vizinhos, levando ao acionamento das autoridades.

“Quando chegaram ao local, os militares depararam-se com uma viatura de matrícula espanhola, caída numa ribanceira. Os testemunhos que os militares recolheram junto de moradores naquela rua indicavam a possibilidade de a viatura pertencer a um casal de espanhóis que passava férias numa casa alugada nas imediações”, explicou a GNR, adiantando que militares se dirigiram à habitação em causa, “tendo detetado vidros partidos”.

“Os militares pediram reforços para fazer a abordagem à casa por desconhecer o que poderiam encontrar no seu interior. A abordagem foi feita cerca das 08:00, tendo sido acionados os meios do INEM para socorrer a mulher encontrada amarrada”, acrescentou.

Segundo a GNR, a mulher forneceu a identificação do alegado autor do crime, o ex-marido, também de nacionalidade espanhola, residente em Vigo, na Galiza, bem como informação sobre a viatura em que terá abandonado o local, dados fornecidos pelas forças policiais portuguesas às autoridades espanholas para a localização do suspeito.