Peça de teatro mostra como em Balugães já se amassou muito pão e talharam muitas gamelas

0
317
No dia 28 de outubro, pelas 21h30, o Theatro Gil Vicente recebe o espetáculo “Pão Nosso” do Teatro de Balugas. A peça de teatro inspirada na aldeia de Balugães, no vale do rio Neiva, em Barcelos, celebra cinco anos da sua estreia e de ter recebido inúmeras distinções nacionais e internacionais em Portugal, Espanha, Itália e Mónaco.
O trabalho, com texto e encenação de Cândido Sobreiro, fala-nos da aldeia de Balugães, terra onde já se amassou muito pão e onde se talharam muitas gamelas de pinho. O pão era o sustento, as gamelas também. Uma relação de pequenas histórias que contam mais do que o artefacto, o alimento, o labor. Uma recolha de memórias, ladainhas, cantigas e ofícios, recuperando utensílios e articulando artisticamente com a comunidade a criação do espetáculo. A partir daqui, o Teatro de Balugas aborda de uma forma teatral e poética o ciclo do pão na aldeia, reconstruindo-o a partir de princípios diferentes não tradicionais e quase oníricos.